Janela Literária

Resenhas e novidades sobre o universo dos livros.

Resenha: 1984 (George Orwell)

Toda leitura envolve dois contextos: aquele em que a obra foi escrita e aquele em que o leitor está imerso em seu presente. Mas se há uma obra mundialmente reconhecida por conseguir fazer um paralelo entre estes dois contextos, é 1984. O livro, escrito cerca de 15 anos antes de seu cenário distópico, dialoga muito com questões contemporâneas, permitindo debates e reflexões.

Lidos em Abril // Wrap up

O último mês rendeu poucos posts aqui no blog, principalmente por um motivo: o covid chegou aqui em casa. Foram semanas difíceis, mas no final eu e minha família nos recuperamos e até consegui ler um pouco na segunda quinzena, quando as dores de cabeça deram uma trégua. Hoje irei compartilhar com vocês essas leituras, e agora com um novo parâmetro: ao fim de cada wrap up, vou divulgar também o número de páginas lidas. É que em abril eu li a mesma quantidade de livros de março, porém bem menos páginas, já que 2/4 foram livros curtos. Confira abaixo!

Resenha: Estrela Vermelha (Aleksandr Bogdánov)

Ter lido Crime e Castigo em fevereiro me deixou curiosa para conhecer outras obras e autores da literatura russa, já que até agora eu só havia lido Dostoievski e Tolstoi. Vi a @ratoledo recomendando Estrela Vermelha e quando vi que ele estava disponível no Kindle Unlimited resolvi dar uma chance! O livro foi uma das minhas leituras de março e hoje irei compartilhar as minhas percepções sobre a obra com vocês.

Lidos em Março // Wrap up

Vi muita gente falando que o mês de março se arrastou pra passar, e eu sou obrigada a concordar com isso. Nossa, que mês difícil! Por aqui voltamos ao lockdown durante algumas semanas, o que me fez voltar a dar aulas online e precisar adaptar algumas coisas da minha rotina novamente. Mas apesar de toda essa loucura e de estar enfrentando muito estresse e ansiedade ultimamente, ainda consegui encontrar conforto nos livros e concluir 4 leituras no último mês. Então vamos à listinha!

Resenha: As Mães (Brit Bennett)

 Acredito que todo leitor já deve ter comprado um livro por impulso só por ele estar com um grande desconto. Foi o que me fez comprar "As Mães" há uns dois anos atrás, por apenas R$4,90, mesmo sem saber sobre o quê o livro se tratava. Comprei, guardei na estante, nunca dei muita bola. Até que resenhas do livro começaram a pipocar nos perfis literários, junto com ótimos comentários fora do país sobre outro lançamento da autora, The Vanishing Half. Foi aí que despertei pra a preciosidade que eu tinha na estante e decidi ler logo esta obra da Brit Bennett, que é o seu romance de estreia. 

Dark Academia: o que é, características e referências

Você já deve ter ouvido falar. Está em posts no Instagram, indicações no Twitter, vídeos no TikTok. Dark Academia. Uma estética, um estilo. Mas como definir esse termo exatamente? Neste post vou te trazer não só um conceito, mas também algumas características e referências desse termo que entrou para o vocabulário dos amantes de literatura, arte e música clássica.